top of page

Como é um arquivo aberto

Oi pessoal!


Recentemente, compartilhei com os membros algumas estampas com arquivo aberto para servir de base para testar colorações diferentes. Basicamente, um arquivo aberto com as camadas bem organizadinhas e fáceis de se trocar as cores. Assim, a gente pode testar uma cartela em uma estampa genérica antes começar uma estampa nova - ou depois também.


E aí veio a ideia de fazer esse post pra vocês. Vou mostrar como faço a organização das camadas dos meus arquivos abertos. O que eu mesclo, o que eu agrupo, o que deixo separado e por aí vai. Importante ressalta que, exceto no Patternbank (que é obrigatório), não gosto de vender meus arquivos abertos. Mas isso é assunto para outro post.


Pra começar, gosto de entender qual o destino de impressão da estampa porque isso pode afetar diretamente como os arquivos serão organizados. Se é uma impressão que precisa de separação de cor, as camadas serão organizadas por cores iguais. Se é uma impressão digital, por exemplo, organizo por elementos iguais (mesmo que tenham cores diferentes).


Na estampa anterior, as camadas estão mescladas por cor (como você pode ver na imagem ao lado dela). Todos os elementos vermelhos numa mesma camada, todos os verdes na mesma camada e por aí vai. Isso deixa o trabalho de recoloração (caso o cliente queira) bem mais fácil e também a separação de cores porque, basicamente, já está separada - não em canais, mas em camadas (o que, na verdade, da na mesma).


Um outro exemplo é o da estampa a seguir que não está separada por cor e sim por elementos.

Nesse exemplo, prefiro preservar os elementos semelhantes em uma mesma camada do que as cores. Mas isso é uma escolha totalmente pessoal porque ela também poderia estar - além de mesclada por elementos - por cor.


Importante dizer que eu não gosto de deixar elementos diferentes numa mesma camada quando eles se sobrepõem pois isso pode dificultar uma possível mudança na composição.

Simulei na imagem anterior algo que eu não costumo fazer. São dois elementos iguais, de mesma cor, que na teoria poderiam estar na mesma camada mas que prefiro deixar em camadas separadas por eles estão se sobrepondo. E caso o comprador queira eliminar um deles, alterar a cor individualmente ou qualquer situação semelhante, vai ser bem mais chato de se fazer do que se eles estivessem separados.


Outra situação muito comum é termos os mesmos elementos acontecendo no fundo da estampa mas também na frente. Nesse caso, fica complicado mesclar os elementos porque eles ou ficariam todos atrás ou todos na frente.

Na estampa anterior, mesclei os elementos semelhantes de acordo com a posição de cada um. Podemos ver nas camadas que as flores vermelhas, assim como as rosas, aparecem várias vezes. Hora mais acima, hora mais abaixo. Vou indicando isso por números: red 1, red 2, red 3, etc. Assim consigo ter um arquivo com menos camadas, mais organizado e ainda manter o efeito de profundidade.


E claro, isso só foi necessário, porque essa estampa foi destinada a venda no Patternbank e lá os arquivos têm limite de camadas e também de peso (megas ou gigas). Por fim, outras duas coisas que você pode fazer é agrupar os elementos e também indicar, por meio de cores, as camadas que podem ser alteradas. Confere só:

No exemplo anterior, agrupei todos os elementos que são coloridos. Deixei de fora do grupo os elementos em preto e a textura de cobra que era mais diferentes do resto do conjunto.

E, nesse último exemplo, você pode ver que as camadas que podem ser alteradas estão com a cor verde. Isso é muito comum inclusive em mockups prontos que compramos na internet. Para deixar o "olhinho" da camada colorido, basta clicar com o botão direito do mouse em cima dele e escolher a cor. Pense sempre de forma intuitiva: verde costuma indicar que é permitido, amarelo ou laranja para ter cuidado e vermelho camadas que não devem ser alteradas. Outro detalhe desse último exemplo é que essa camada de cor sólida facilita e indica que as cores dos elementos podem ser alteradas.


De modo geral, o importante (e a ideia desse post) é mostrar algumas formas de se organizar os arquivos. Existem outras lógicas dentro da organização e essa é só a pontinha do iceberg desse tema. Independente de qual seja o método, é fundamental que as estampas tenham arquivos abertos muito bem organizados e fáceis de se alterar. Lembre-se que, na maioria das vezes, nossos arquivos serão abertos por outras pessoas que precisam entender exatamente o que está acontecendo. Não da pra mandar arquivos bagunçados.


Você costuma organizar os seus arquivos? Comenta aqui em baixo!

66 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Bình luận


bottom of page